O CALVÁRIO DE DAVID CAPISTRANO... (2)

Na postagem anterior vocês tiveram a oportunidade de conhecer um pouco da vida e dos ideais de David Capistrano, uma estrela de primeira grandeza na constelação dos muitos heróis anônimos que tiveram a vida ceifada por uma legião de apátridas movidos por instintos assassinos e bestiais.
"Senhor Deus dos desgraçados! Dizei-me vós, Senhor Deus! Se é loucura... se é verdade Tanto horror perante os céus?!" (Castro Alves - in Navio Negreiro)

Assumimos o compromisso de relatar o que nos foi possivel pesquisar sobre a via-sacra do lengendário herói de 3 pátrias David Capistrano Costa. Antecipadamente advertimos que não vamos descer a minudências nestas postagens. Foi dolorosa a pesquisa e isso nos deprimiu. Não podemos infringir mais sofrimento aos seus amigos e familiares. O que fizeram com nosso herói foi tão cruel e gratuito que se inclui entre os crimes hediondos da pior espécie e entre os pecados que bradam aos céus e pedem a Deus vingança. Seus carrascos sequer podem ser comparados a vermes. Foram infinitas vezes piores.


Alguns prévios esclarecimentos, antecipando possiveis indagações:


  1. Por que escolhemos o TORTO como veículo de divulgação e não a grande mídia?
  2. As revelações são inéditas?
  3. Por que só agora essas revelações estão sendo divulgadas?
RESPOSTAS:


Escolhemos O TORTO porque a grande mídia, por razões que não foram apenas de censura, sempre foi conivente com o massacre e o genocídio daqueles que ousaram lutar contra a ditadura sanguinária que infelicitou a vida do povo brasileiro e ainda causa malefícios residuais à memoria de quantos foram sacrificados e, principalmente, aos seus familiares. A outra razão é de ordem afetiva: O TORTO é sério, está a serviço da verdade e faz parte de nossa vida. É o nosso espaço de comunicação com o querido povo de Quixadá onde residem alguns familiares de David Capistrano.


Da nossa parte, as revelações são inéditas. Pesquisamos na internet e pouco, muito pouco, encontramos sobre David. As informações sobre nosso personagem são escassas e pouco precisas.


Agora é a hora. Faltavam alguns elos na corrente. Esses elos somente agora foram encontrados.


COMO TUDO RECOMEÇOU


Investimos alguns esforços na busca solitária de informações sobre o destino de David Capistrano porque fomos testemunha ocular da primeira fase de seu sofrimento. Mas, faltava o epílogo. Agora a história está, a nosso julgar, completa.


Agora o prego está batido e, salvo engano, a ponta está virada.


Vamos aos fatos sem mais demora.


Há cerca de duas semanas estávamos bisbilhotando os livros em uma das livrarias da cidade. Aqui na província quase nunca o livro procurado é encontrado. Os livreiros só trazem aqueles estão na midia e tem venda assegurada. As mediocridades de auto-ajuda, Zíbia Gaspareto, Paulo Coelho et caterva. Mas, o acaso nos privilegiou: entre tantos títulos vistosos e apelativos deitamos os olhos cansados sobre um livro pequeno e despretensioso, muito discreto. O sugestivo título era SEM VESTÍGIOS. Parecia um romance policial. Mas, o subtítulo era instigante: Revelações de um agente secreto da ditadura militar brasileira. A autora Taís Morais, embora desconhecida por mim, já editara o livro Operação Araguaia -os arquivos secretos da guerrilha.


Nas orelhas do livro em texto produzido pelo editor, jornalista Luiz Fernando Emediato, uma referência a David Capistrano já no segundo parágrafo. No verso da última capa estava uma referência ainda mais incisiva.


Havíamos encontrado o material há tanto tempo procurado. A busca estava encerrada.


Lembramo-nos que, na Administração Novo Tempo da qual honrosamente fizemos parte, recebemos em Quixadá, trazido pelo então secretário de saúde,Luis Odorico, pioneiro do PSF no país, o prefeito de Santos David Capistrano Filho, hoje falecido. Na ocasião, por iniciativa do pedagogo Miguel Peixoto, foi inaugurado, em uma das ruas do bairro Combate, o memorial David Capistrano. (Não sei se ainda existe). Usamos da palavra e relatamos para os presentes, incluídos aí o filhos David, o saudoso e querido Zequinha, sr. Luiz e outros familiares, como conheceramos pessoalmente David Capistrano, nos subterrâneos da ditadura, na Sucursal do Inferno, no DOI-CODI de São Paulo, sucedêneo da OBAN, um dos maiores antros de tortura da América Latina, comparável nos dias de hoje aos centros de tortura de Gantânamo e Abu Ghraib.


Para não tornar o texto longo e cansativo optamos por editá-lo em várias postagens.


Na próxima postagem começaremos o relato.
SOBRE O LIVRO SEM VESTÍGIOS:
Sem Vestígios: Revelações de Um Agente Secreto
Descrição
Autora: Tais Morais
Editora: Geração
ISBN: 9788561501099
Origem: Nacional
Ano: 2008
Edição: 1
Número de páginas: 280
Acabamento: Brochura
Formato: Médio
Preço: de R31,92 a R$ 39,92
Onde: Siciliano, Saraiva, Submarino, Cia. dos Livros. Todas vendem pela internet e ainda parcelam.
Aviso: Não nos peçam emprestado. É barato mas, muito precioso. Vale a pena.

2 comentários: