A RASTEIRA EM CRISTIANO GOES CARATERIZA INGRATIDÃO E OPORTUNISMO POLÍTIQUEIRO DA PIOR QUALIDADE!!!


AMIGOS QUIXADAENSES

Hoje eu tenho uma missão diferenciada. Vou fazer um exercício de resgate da história política de Quixadá das duas últimas décadas.
Ainda na década de 1980 tive o privilégio de ingressar através de concurso público na Universidade Estadual do Ceará através da querida FECLESC.
Durante os onze anos de permanência em Quixadá convivi com alunos de um extraordinário potencial como Guaracy de Freitas, Reginaldo Barbosa, Chiquinho Saraiva, Cristiano Góes e tantos outros.
No ano de 1992, era assessor especial da administração municipal quando fui procurado pelo ex-deputado Ilário Marques que nos convidou para junto com ele postularmos a prefeitura Municipal de Quixadá.
De pronto aceitei e renunciei ao cargo na PMQ para me dedicar inteiramente àquele novo e grande desafio. Foi um período de muito sofrimento e sacrifício pessoal. Só Deus sabe o quanto sofri. Fiquei na campanha até a vitória final de Ilário com pouco mais de quinhentos votos de diferença. Desde então tenho acompanhado Ilário Marques e posteriormente, Rachel em todas as campanhas mesmo quando não se lembram de me convidar para participar.
A partir de 1992 a história política de Quixadá começava a ser reescrita. Entendo ter sido o motor dessa mudança a vontade do povo, mas com certeza absoluta a alegria contagiante da juventude que acompanhou Ilário teve um papel primordial. O COMITÊ UNIVERSITÁRIO reunia mais de vinte estudantes da FECLESC e efetivamente fez um trabalho competente de militância.
Faziam parte desse comitê, entre outros, Rinaldo Roger, Saraiva todos liderados por Cristiano Góes, na época aluno do curso de história e membro de seu valoroso Centro Acadêmico, o CALHA.
Vou reproduzir agora alguns dados biográficos de Cristiano Góes:
...”Em 1992 participou ativamente da campanha que levou o PT ao governo do município. Pela sua liderança com os jovens, acabou sendo convidado para ser Secretário de Cultura, Desporto e Turismo. Na secretaria criou a Festa "Pula Fogueira", reorganizou o Carnaval de rua e deu uma nova dimensão ao esporte e a cultura. Em 1995 deixou o Banco do Brasil para trabalhar na iniciativa privada, em uma empresa de panificação. Em 1996 é candidato a vereador pelo PT, sendo eleito com 498 votos. Torna-se um dos fundadores da Associação de Jovens Empresários de Quixadá, sendo seu primeiro coordenador. Em 2000, consegue se reeleger com uma votação de 659 votos. Logo em seguida é eleito Presidente da Câmara do Município por unanimidade de votos, feito este inédito. Concluiu recentemente o curso da Escola de Formação de Governantes - EFG.
Após dois anos de mandato como presidente, instituiu uma série e mudanças no Legislativo como o voto aberto em todas as votações, as sessões itinerantes e a criação de moderno auditório, rampa de acesso, arquivo de documentos e biblioteca. Foi reeleito Presidente da Câmara Municipal de Quixadá.
Foi eleito vice-prefeito para o mandato 2005-2008.
Administrar Quixadá substituindo Ilário, mesmo que temporariamente, não é tarefa das mais fáceis. A queda da arrecadação das finanças municipais no 2º. Semestre de 2006, a necessidade de cumprir os indicadores de 25% na educação e o percentual de 54 % na despesa de pessoal obrigou Cristiano a tomar diversas medidas que se mostraram totalmente corretas e eficazes. E os resultados positivos aconteceram. A dívida municipal diminuiu mais de 30%, a educação conseguiu aplicar mais de 25% e os indicadores da Lei de Responsabilidade Fiscal foram cumpridos.
A demonstração de bom administrador não ficou restrita a área financeira. Os projetos em curso foram tocados, obras foram iniciadas ou retomadas, algumas inclusive concluídas e entregues à população. Durante os cinco meses em que esteve a frente da prefeitura entregou o Centro de Referência da Mulher, com a presença especial da Ministra Nicéia Freire; o Centro de Assistência do Idoso no bairro Campo Novo, o Telecentro do Pólo de atendimento do Campo Novo, a Escola ampliada de Lagoa da Pedra, o Telecentro Central de Quixadá com 48 microcomputadores, bem como a entrega de mais de 400 novas edições de livros para o acervo da Biblioteca Pública; o calçamento de ruas no distrito de Cipó dos Anjos; recuperou o Estádio Municipal; promoveu a Copa Quixadá de Futebol de Campo; lançou o Programa Quixadá Feliz de atenção intersetorial aos bairros e distritos de nossa cidade; trouxe uma apresentação inédita da esquadrilha da fumaça que maravilhou a todos com sua performance de vôos e acrobacias, além de promover o festival de violeiros ENCANTA Quixadá.Deve-se ressaltar que em seu período como prefeito manteve o pagamento dos servidores rigorosamente em dia. Acompanhava o andamento das obras com visitas periódicas ao local da obras. Autorizou a reforma do ABC Baviera de Carvalho que recuperou totalmente seu prédio com a instalação de um novo telecentro. Acompanhou em Brasília os projetos para instalação do CEFET, do campus da Universidade Federal, da refinaria de biodiesel, entre outras ações que trarão benefícios para nossa cidade.Teve sua assinatura a Lei da Equidade, que trouxe uma série de conquistas para os servidores municipais, como a licença maternidade de 180 dias e a licença paternidade; sendo uma legislação bastante elogiada pelo Ministério da Mulher, entidades sindicais e a Internacional do Serviços Público-ISP. É motivo inclusive de estudo de outros municípios e de entidades internacionais.Preparou uma grande recepção para volta do Prefeito Ilário Marques demonstrando maturidade e desapego ao poder. 'É nos momentos difíceis que se conhece, que se mede o compromisso, a fidelidade e o compromisso das pessoas', afirmou depois Ilário em discurso elogiando a postura de Cristiano".
Amigos quixadaenses: é esse jovem trabalhador, competente e íntegro que o prefeito Ilário Marques rifou conforme a notícia veiculada no blog anterior.
É assim que ele retribui a lealdade de tantos anos!!!
Leiam na próxima postagem nossas considerações sobre a postura truculenta do prefeito Ilário Marques. Lastimável.

2 comentários: